sobre_gn_1.png

No mês de junho, segmento ultrapassou, pela primeira vez, a marca de 20 mil m³/dia

 

O consumo de gás natural nas residências paranaenses registrou recorde no mês de junho. Pela primeira vez, o volume distribuído pela Compagas para este segmento superou a marca de 20 mil m³/dia (20.021 m³/dia). O dado recorde é 22% maior que o volume registrado no mesmo período do ano passado. Ao todo, são 22.772 residências com o combustível no Estado. 


De acordo com o gerente de vendas urbano, Mauro Melara, a alta no segmento é justificada pelo aumento no número de clientes. “Em um ano mais de 4,8 mil residências passaram a utilizar o gás natural para a cocção e aquecimento, o que significa um acréscimo de 27% em nossa base de clientes residenciais”. Atualmente, as residências que utilizam o combustível fornecido pela Compagas estão localizadas em Curitiba e em Ponta Grossa. 

 

Geral – No mês de junho, o volume de gás natural comercializado no Paraná atingiu 2.304.709 m³/dia. O consumo térmico representa 56,3% do total, seguido pelo industrial, cogeração e matéria-prima, que juntos, respondem por 38% do volume total. O segmento veicular tem uma representação de 3,7% e os segmentos de varejo (residencial e comercial) respondem por 1,6% do volume distribuído no Paraná. “Mesmo com menor participação no consumo de gás natural, os clientes residenciais e comerciais têm uma representatividade de 99% da nossa base total de clientes”, destaca Melara.


A Compagas encerra o mês com 23.338 clientes, com uma rede de distribuição de 668 km e com o atendimento a 14 municípios do Paraná - Curitiba, Ponta Grossa, Palmeira, Campo Largo, São José dos Pinhais, Balsa Nova, Araucária, Colombo, Paranaguá, Pinhais, São Mateus do Sul, Quatro Barras, Fazenda Rio Grande e Londrina.