sobre_gn_1.png

Até dezembro, crianças dos municípios de Colombo, Campina Grande do Sul, Quatro Barras e Pinhais vão participar de ações sobre a pré-história e história do local onde vivem

 

 

 

Oficina de cerâmica, quebra-cabeças, jogo da memória, trilha do Gastubinho — mascote da Compagas, e um jogo de batalha naval. É com esse circuito de atividades lúdicas que a Compagas, por meio da Assessoria de Saúde, Meio Ambiente e Segurança (SMS), promove pela primeira vez o Programa de Educação Patrimonial em escolas da Região Metropolitana de Curitiba.

A ação, que atenderá os municípios de Colombo, Pinhais, Quatro Barras e Campina Grande do Sul, tem como objetivo promover entre os pequenos a reflexão e o sentimento de pertencimento em relação ao patrimônio cultural pré-histórico e histórico da região onde moram.

O programa acontece nas cidades que contam com projetos e obras de expansão da Compagas, uma exigência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) para obtenção da licença de operação do Projeto Nordeste Região Metropolitana de Curitiba (RMC). A expectativa é que, até o fim do ano, participem das ações cerca de 1.600 crianças que estão cursando o 5º ano do ensino fundamental em escolas municipais desses quatro municípios.