sobre_gn_1.png

Volume médio diário comercializado de janeiro a março cresceu 13,78%

 

Com a atual preço dos combustíveis líquidos, o Gás Natural Veicular (GNV) se consolida com um combustível ainda mais vantajoso para os motoristas. Tanto é que a procura pelo GNV cresceu nos primeiros três meses do ano no Paraná. O volume de vendas distribuído pela Compagas ao segmento cresceu 13,78% - a média diária de vendas saltou de 79,6 mil m³/dia em janeiro para 90,6 mil m³/dia em março.

 

A principal vantagem para quem utiliza o GNV se mantém no custo-benefício, uma vez que o uso do gás natural proporciona uma economia de mais de 45% em relação aos combustíveis líquidos. Com os atuais preços médios praticados no estado (*), R$ 3,22 para a gasolina, R$ 2,18 para o etanol e R$ 2,12 para o GNV, e o rendimento previsto (13 quilômetros por metro cúbico de gás natural, 10 quilômetros por litro de gasolina e 7 quilômetros por litro de etanol), para rodar 100 quilômetros com o GNV o motorista gasta cerca de R$ 16,31, enquanto que para a gasolina o custo é de aproximadamente R$ 32,21, e com o etanol é de R$ 31,17.

Além de poupar na hora de abastecer, os proprietários de carros com GNV também têm desconto de 71,43% no IPVA. Para os carros movidos a gás natural o custo do imposto é de 1% sobre o valor do veículo, perante os 3,5% do valor sobre os veículos movidos a gasolina e/ou álcool. O preço da instalação do kit GNV, varia de R$ 3 mil a R$ 4 mil, e para quem roda cerca de 4.000 km no mês, por exemplo, o tempo de retorno do investimento é, em média, de 5 meses. Essas contas podem ser feitas no Simulador de Economia.

Concessionária responsável pela distribuição do gás natural no Paraná, a Compagas conta atualmente com 37 postos revendedores de GNV, nas cidades de Curitiba, Campo Largo, Colombo, Paranaguá, Pinhais, Ponta Grossa e São José dos Pinhais. São mais de 33 mil veículos que já utilizam o gás natural no estado e 18 oficinas credenciadas pelo INMETRO para efetuar a conversão.

 

(*) Pesquisa na ANP para o período de 19 a 25/04.