sobre_cpg_1.png

Notícias

Volume de vendas para os segmentos residencial e comercial aumentou 36,4% em abril na comparação com o mesmo período do ano passado

 

O volume de vendas de gás natural destinado aos segmentos residencial e comercial no Paraná aumentou 36,4% no mês de abril na comparação com o mesmo período do ano passado, de acordo com o último relatório da Compagas. No mês foram comercializados, na média diária, 44.067 m³ para os dois setores. Levando em conta o volume de gás natural fornecido aos comércios e residências durante os primeiros quatro meses de 2017, consumo foi 16% maior do que no mesmo período do ano passado, o que corresponde a uma média de 33.126 m³/dia.

Contratos somam 180 unidades domiciliares que contarão com o gás natural

 

Com o objetivo de cumprir de chegar até o final do ano com uma carteira com mais de 39 mil clientes residenciais consumindo o gás natural, a Compagas fechou nas últimas semanas contratos com mais sete empreendimentos em Curitiba. Tais negociações somam 180 unidades domiciliares que contarão com o gás natural para as atividades de cocção e aquecimento.

Estabelecimentos comerciais farão uso do combustível para cocção e aquecimento em até 150 dias, conforme cada contrato

 

A Compagas conta com novos clientes comerciais de diferentes segmentos do mercado: um restaurante, uma panificadora, um hotel e uma academia. Os quatro estabelecimentos fecharam contrato com a Companhia para uso do gás natural para fins de cocção e aquecimento e devem iniciar a utilização em um prazo de até de 150 dias, conforme cada contrato. Durante este prazo, a Compagas fará as obras de interligação da rede de distribuição até os pontos de consumo do combustível.

Unidades residenciais utilizarão combustível para cocção e aquecimento e nos condomínios o gás estará nas áreas comuns, como no salão de festas e nas zeladorias

 

Cinco condomínios residenciais fecharam contrato com a Compagas para uso do gás natural nos apartamentos e também nas áreas comuns. No total, serão mais 128 unidades atendidas pela Companhia com a rede de distribuição. O gás natural será utilizado para cocção e aquecimento e também em áreas comuns dos condomínios, no salão de festas e nas zeladorias.

Segunda unidade da Fast Gôndolas e Ariam Equipamentos Metalúrgicos iniciaram o consumo de gás natural

 

A Companhia Paranaense de Gás (Compagas) ligou duas indústrias em Londrina, no Norte do Paraná. A segunda unidade fabril do complexo da Fast Gôndolas e a Ariam Equipamentos Metalúrgicos iniciaram o consumo de gás natural fornecido pela Companhia no mês de abril. As duas indústrias são abastecidas pela rede de distribuição que a Compagas construiu no município e utilizarão o gás natural em substituição ao Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) nos fornos de pintura das unidades. Com a entrada destas indústrias, a Compagas passará a fornecer em Londrina um total de mais de 830 mil m³ mês para seus cinco clientes no município.

Compartilhar