sobre_cpg_1.png

Notícias

Palestras tem o objetivo de evitar possíveis ocorrências e acidentes na rede de distribuição de gás natural

A Gerência de Operações em conjunto com a Gerência de Saúde, Meio Ambiente e Segurança (SMS) vem realizando o Programa de Prevenção de Danos na Rede de Distribuição de Gás Natural. Neste ano, mais de 850 pessoas já receberam orientações sobre a sinalização e a integridade da rede de gás natural, com o objetivo principal de evitar interferências e assim garantir a segurança e o fornecimento contínuo.

Empresas estão instaladas em Araucária, Campo Largo e Ponta Grossa

 

Quatro indústrias, três instaladas em municípios da Região Metropolitana de Curitiba e uma em Ponta Grossa, iniciaram o uso de gás natural. As empresas JMR Cerâmica, EB3, Alsco e Omya do Brasil são os novos clientes industriais da Compagas e juntas devem consumir mais de 110 mil m³ de gás natural por mês.

 

Em sua quinta edição, a Conferência Internacional de Energias Inteligentes - Smart Energy CIEI&EXPO 2018 vai contar com a participação da Companhia Paranaense de Gás (Compagas). Um dos principais eventos do país que busca ampliar o debate sobre a importância do uso de energias renováveis e inteligentes, o Smart Energy reúne palestrantes de renome nacional e internacional para apresentar cases de sucesso e discussões sobre o tema. "Fundamental para o desenvolvimento do Paraná, o gás natural - que se apresenta como um combustível mais versátil, econômico e limpo - se tornou uma das principais alternativas energéticas do país. Para nós, da Compagas, que trabalhamos a fim de ampliar seu uso como matriz energética, participar deste evento é de suma importância", afirma o diretor-presidente da Compagas, Luiz Malucelli Neto. O evento acontece no Salão Principal do CIETEP/FIEP (Avenida Comendador Franco, 1371 - Jardim Botânico - Curitiba), entre os dias 05 e 07 de novembro.

As concessionárias de distribuição de gás natural canalizado que atuam nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, todas atendidas pelo mesmo gasoduto de transporte (Bolívia-Brasil), decidiram prorrogar o prazo para recebimento das propostas da chamada pública coordenada para a aquisição de gás natural anunciada no mês de agosto.

Os interessados, agora, terão até 31 de janeiro de 2019 para realizar o envio das propostas, conforme indicado nos editais disponíveis nos sites das companhias. Consequentemente, a segunda etapa também será prorrogada, entretanto, será mantida a previsão de conclusão do processo ao longo de 2019.

Os motivos que levaram as distribuidoras a prorrogarem o processo foram as divulgações, pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), do cronograma de chamada pública para contratação de capacidade de transporte no Gasbol, em 3 de setembro de 2018, e da aprovação de Tomada Pública de Contribuições (TPC) sobre medidas de incentivo para o mercado de gás natural, em 20 de setembro de 2018.

Atendidas pelo mesmo gasoduto de transporte, cinco companhias atuantes nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste farão chamada pública para até 10 milhões de m3/dia

Em busca de condições de mercado mais competitivas e da diversificação das fontes supridoras, cinco concessionárias de distribuição de gás natural canalizado que atuam nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, todas atendidas pelo mesmo gasoduto de transporte (Bolívia-Brasil), promovem uma ação coordenada para o recebimento de propostas para a aquisição de gás natural.

Compartilhar